Estimulantes hormonais
Filtrar

Preço

Preço

  • 19,00 € - 60,00 €

Filtros ativos

O que são estimulantes hormonais?

Os estimulantes hormonais são utilizados para apoiar as funções hormonais naturais e, mais especificamente, para aumentar a produção de testosterona ou da hormona do crescimento (GH).

O principal papel das hormonas
Testosterona

Uma hormona produzida em grandes quantidades nos homens e em pequenas quantidades nas mulheres, responsável pelas características masculinas, atinge o seu nível mais elevado por volta dos 20 anos e diminui por volta dos 30 anos. Os baixos níveis de testosterona têm efeitos negativos na capacidade do organismo para sintetizar proteínas, na massa muscular, na densidade óssea, na função sexual e no humor. Os suplementos naturais ajudam a aumentar os níveis de testosterona e a melhorar o desempenho e a aparência física. É responsável pela hipertrofia muscular.

GH ou hormona do crescimento

Faz crescer os ossos, as cartilagens e os músculos durante a infância. Mas na idade adulta, níveis elevados de GH estão associados a ganhos significativos de massa muscular e a uma melhor distribuição da massa gorda/massa magra. O pico de secreção de GH ocorre principalmente nos primeiros ciclos de sono profundo. Assim, a qualidade do sono é particularmente importante para o anabolismo.

Cortisol

O cortisol é a hormona do stress, produzida pelas glândulas supra-renais a partir do colesterol. O seu principal papel é ajudar o corpo a lidar com o stress, estimulando o metabolismo dos hidratos de carbono, gorduras e proteínas para lhe dar a energia necessária. O treino demasiado prolongado tem uma influência negativa no anabolismo devido ao excesso de cortisol e pode comprometer a progressão.

Os benefícios dos estimulantes hormonais

Em primeiro lugar, ajudam a engrossar as fibras musculares e a multiplicá-las, dando assim mais volume e força aos músculos. Favorecem a síntese proteica muscular e, por conseguinte, o desenvolvimento. São também um bom suporte para a libido.

Os diferentes tipos de estimulantes hormonais
Tribulus terrestris

Esta planta, que se tornou popular graças aos atletas da Europa de Leste durante as competições, demonstrou melhorar o desempenho desportivo. Diz-se que favorece a produção de testosterona graças às suas saponinas.

Ácido D-aspártico

O ácido D-aspártico aumenta a produção de testosterona segundo o mesmo princípio que o tribulus terrestris.

ZMA

Utilizado como um estimulante natural da testosterona, esta combinação de três ingredientes, zinco, magnésio e vitamina B6, denominada ZMA, melhora a produção de testosterona.

Bloqueadores de aromatase

Estas são ervas que têm a capacidade de limitar a conversão de androgénios em estrogénios. Quanto mais baixo for o nível de estrogénio, maior será a estimulação da testosterona. Estes ingredientes devem estar presentes nas fórmulas de reforço hormonal para serem totalmente eficazes.

Aminoácidos

Para obter níveis óptimos, é necessário consumir suplementos à base de ácido aspártico, aminoácidos e, nomeadamente, BCAA, arginina e glutamina.

GABA

Provém da glutamina, é um neurotransmissor que acalma o sistema nervoso central e favorece o repouso, a recuperação e o sono. Estimula de forma importante a secreção de GH ou hormona do crescimento.

Arginina

Promove a secreção e produção de óxido nítrico no corpo, para criar vasodilatação dos vasos sanguíneos e assim conduzir mais nutrientes para o músculo.

Glutamina

A glutamina estimula naturalmente a síntese de GH e, portanto, participará indirectamente no aumento da massa muscular e na redução da massa gorda.

L.Tirosina

Estimula a libertação de dopamina que estimula a síntese de GH.

Mucuna pruriens

Esta leguminosa contém L-Dopa que, quando transformada em dopamina, actua como neurotransmissor para aumentar a secreção das hormonas de crescimento.

Como é que funcionam?

As hormonas actuam como catalisadores das reacções fisiológicas e metabólicas do organismo. Permitem ao atleta adaptar melhor os músculos ao trabalho exigido. Assim, aumentam o tamanho e o número de fibras musculares. O seu papel consiste em estimular os mecanismos naturais de produção hormonal. Não substituem a produção de hormonas, mas reforçam-na.

Como tomar estimulantes hormonais?

Utilizados na musculação para melhorar os resultados e o desempenho, os estimulantes hormonais ajudam a aumentar a massa e a força muscular. Os estimulantes hormonais podem ser tomados de manhã ao levantar, antes do treino e à noite ao deitar. De manhã, dão ao corpo um impulso após a noite. Antes do treino, libertam testosterona para tornar o treino o mais produtivo possível. Por fim, à noite, ao deitar, estimulam a secreção de GH pelo organismo de uma forma importante durante o sono.

Com o que os tomar?

Com BCAAs

Durante o treino, serão utilizados para o crescimento muscular, são os aminoácidos campeões da recuperação.

Com Whey

Após o treino, a toma de proteínas puras como o soro de leite desencadeia um aumento retardado da GH.

Com gainers

Estimulam as hormonas anabólicas. Isto permite-lhe progredir mais rapidamente.

Com carnitina

A carnitina desempenha um papel essencial na estimulação do anabolismo muscular e dos processos energéticos.

Com precursores do NO

Presente no Pre-Workout, a arginina aumenta os níveis de GH, tal como a ornitina, um aminoácido capaz de estimular a produção de GH.